Europa

A SEMANA DAS BRASILEIRAS NA EUROPA

Imagem: @GKesb

Nessa semana, o calendário das ligas europeias sofre uma paralisação em função das disputas classificatórias para o EuroBasket, por isso é uma bom momento para revisar os últimos acontecimentos nas equipes com brasileiras.

Na Espanha, Nádia saiu do banco e se portou bem na vitória do Gernika (77-74) sobre o Estudiantes, de Melisa Gretter no dia 06 de novembro. A pivô teve 17 minutos e registrou 8 pontos e 5 rebotes. A armadora argentina, 7 pontos e 5 assistências em 34 minutos. Os times dividem a quinta colocação da Liga, com seis vitórias em dez jogos e voltam à quadra no dia 19 de novembro.

Na Segunda Divisão, os clubes das brasileiras tem um mau começo de temporada.

No grupo A, o Oil Rosália, de Letícia Soares, não venceu seus três primeiros compromissos. A última derrota foi para o invicto Plasencia, em 7/11, por 58-68. A pivô teve 6 pontos e 4 rebotes em 21′. A equipe tem três partidas atrasadas.

No grupo B, o Mellila, de Alana, está na décima posição, com uma vitória em cinco jogos. Na derrota mais recente, no dia 08 contra o líder Unicaja (78-84), a brasileira voltou a se destacar ,com 17 pontos, 5 assistências e 3 recuperações em 33′. Existe a expextativa de que a equipe ganhe mais poder de fogo com a liberação do visto de dois outros reforços estrangeiros.

Ao contrário da Primeira Divisão, a Segunda segue suas atividades nessa semana.

Em Portugal, duas equipes com brasileiras dividem a vice-liderança da Liga: o União Sportiva e o Vitória, com quatro vitórias em cinco jogos.

Na rodada do último fim de semana, o União Sportiva passou pelo Olivais (63-54), com 8 pontos, 9 rebotes e 3 recuperações de Gabriela Guimarães, em 31′. Pelo Olivais, Júlia Torres chegou aos 9 pontos e 6 rebotes, em 38′. O Olivais está na nona posição, com duas vitórias em seis jogos.

Já o Vitória derrotou o Galitos (73-55), contando com 13 pontos de Tati Pacheco e mais 10 pontos e 10 rebotes de Barbara Bazílio, ambas com 32′. Pelo Galitos, Aruzha jogou 27 minutos e somou 4 pontos, 4 rebotes e 2 assistências. O clube ainda não venceu em seus seis compromissos.

Também com quatro vitórias, mas em seis partidas, está o Barreiro, que na rodada derrotou o Lombos (63-49), com destaque para Aline Moura (15 pontos e 9 rebotes, em 38′). Jennifer Nonato somou 9 pontos e 7 rebotes, em 32′. Pelo Lombos, Raphaella Monteiro teve 19 pontos e 15 rebotes, em 36′. O clube tem três vitórias em seis jogos e ocupa a sexta colocação.

A disputa será retomada apenas no dia 22.

Na forte Liga Turca, o Izmit, de Clarissa, está na sexta colocação (quatro vitórias e quatro derrotas). Em partida no dia 04 o clube perdeu para o Hatay e a brasileira aparaceu bem com 12 pontos e 17 rebotes, em 33′. O clube volta a atuar no dia 21 contra o vice-líder Galatasaray.

Na Liga Sueca, o Lulea, de Débora, divide a vice-liderança da competição com quatro vitórias em cinco jogos. A última exibição da armadora foi no dia 04, com 10 pontos e 5 assistências em 23 minutos contra o Uppsala (69-59). O próximo compromisso é no dia 24 no confronto contra o líder invicto Alvik.

Por fim, na Bulgária, o Montana, de Isabela Ramona, segue invicto tanto na liga local como na disputa da Liga Adriática (WABA). No dia 3, o time passou pelo Slavia (81-58) na Liga Búlgara, com 18 pontos e 9 rebotesda ala em 31′. O próximo jogo será no dia 21.

Com seguidas rodadas da WABA suspensas por casos de COVID19 nos elencos, a última atuação de Ramona no torneio foi ainda no dia 28 de outubro, com 15 pontos na vitória sobre o bósnio Orlovi (80-63).

 

por Bert – Painel LBF

(09 de novembro de 2020)