Universitário

A DUPLA BRASILEIRA DA BYU

Foto: BYU

A dupla brasileira formada pela armadora Maria Paula Albiero e pela ala-pivô Babalu Ugwu segue sua trajetória no basquete universitário norte-americano com a camisa da BYU ( a Brigham Young University).

A universidade localizada em Utah acumula na temporada 10 vitórias e 7 derrotas. Considerando apenas as partidas da sua conferência, a da Costa Oeste (WCC), o saldo é de 5 vitórias e 2 derrotas.

O último compromisso da dupla foi no sábado (18 de janeiro de 2020), em uma vitória sobre Saint Mary fora de casa por 65 a 55.

A armadora Albiero foi titular nas 17 partidas da temporada. No sábado, marcou 14 pontos, 2 assistências e 2 recuperações, em 37 minutos. Geralmente a brasileira é menos ofensiva, somando médias de 6,3 pontos e 3 assistências, em 30 minutos. Especialmente no sábado, a BYU estava desfalcada de sua maior cestinha, a ala armadora Paisley Johnson, e Albiero teve a sua melhor marca na temporada.

Foto: BYU

Babalu foi titular no sábado pela terceira vez na temporada. Jogou 10 minutos, com 3 pontos, 6 rebotes e 2 recuperações. As médias na temporada são de 5,7 pontos e 5,1 rebotes em 16 minutos.

Na atual temporada, o técnico Jeff Judkins tem insistido na transição de Babalu da posição de pivô para ala. Os resultados são tidos como promissores e Babalu já pontuou cinco vezes na temporada acima dos 10 pontos.

Maria Paula tem 21 anos e foi uma das armadoras do grupo que disputou o Mundial Sub-17 2014, ao lado de Lays (Vera Cruz Campinas) e de Larissa Carneiro (ex-São Bernardo).

Babalu completará 21 anos no dia 31 de janeiro e fez parte do grupo que em 2015 bateu a seleção americana na semifinal da Copa América Sub-16.

por Bert – Painel LBF

(23 de janeiro de 2020)