Seleção

FIBA CONFIRMA SEDES DOS PRÉ-OLÍMPICOS REGIONAIS

FIBA

A FIBA (Federação Internacional de Basquete) confirmou na semana passada as sedes dos torneios Pré-Olímpicos Regionais, que acontecerão já no próximo mês: entre os dias 10 e 18 de novembro.

Os torneios definirão as seleções participantes dos Pré-Olímpicos Mundiais, que acontecerão em fevereiro de 2020 e fornecerão as vagas do basquete feminino para os Jogos de Tóquio.

Como já anunciado, nas Américas haverá o seguinte cenário:

Grupo A, com sede no Canadá e no qual o Canadá, Cuba, República Dominica e Porto Rico disputam duas vagas ao Pré-Olímpico Mundial.

Grupo B, com sede na Argentina – com a participação de Argentina, Brasil, Colômbia e Estados Unidos. Fornecerá aos Estados Unidos (já classificados para a Olimpíada) e a outra  seleção melhor qualificada entre o trio Brasil-Argentina-Colômbia as vagas ao Pré-Olímpico Mundial.

Os torneios acontecem em turno único.

No caso do Brasil, a estreia é no dia 14 contra os Estados Unidos. No dia 16, o adversário é a Colômbia. E no dia 17, o time do técnico José Neto fecha sua participação na competição com um confronto contra a Argentina.

Na África, os dois grupos jogaram na mesma sede (Moçambique), com três seleções em cada. Os campeões de cada grupo avançam para o Pré-Olímpico Mundial.

O grupo A tem Nigéria, Moçambique e Congo.

O grupo B conta com Senegal, Mali e Angola.

Por fim, no bloco Ásia/Oceania, a disputa tem duas sedes e repete as peculiaridades do cenário nas Américas.

O grupo A acontecerá na Nova Zelândia. Participam dele a Nova Zelândia, a Coreia, as Filipinas e a China, buscando as duas vagas ao Pré-Olímpico Mundial.

No grupo B, com sede na Malásia, estarão Japão, Austrália, Malásia e Taipei. Já classificado, o Japão aguarda o sobrevivente entre as outras três seleções que o acompanhará ao Pré-Olímpico Mundial.

Os seis representantes europeus no Pré-Olímpico Mundial já estão definidos (Espanha, França, Sérvia, Grã-Bretanha, Suécia e Bélgica). No mesmo intervalo dos Pré-Olímpicos Regionais, as seleções europeias estarão em atividade nas classificatórias para o Europeu 2021.

por Bert – Painel LBF

(15 de outubro de 2019)