Mercado

TAINÁ PAIXÃO E MARIANE CARVALHO SÃO BOAS NOVIDADES NO TIME DO SESI

O time adulto do SESI em Araraquara iniciou seus trabalhos em 2018, quando fez sua estreia no Campeonato Paulista.

Já nessa primeira experiência o faro da comissão técnica, então comandada por André Carrascoza, se mostrou acertado ao atrair a armadora Débora e a pivô Aline Moura, destaques maiores do time nesse primeiro momento.

Na disputa da LBF 2019, o comando passou ao treinador Daniel Watffy, que vinha do basquete masculino. O time esboçou uma evolução nessa nova fase, mas acabou contido nos play-offs de quartas-de-final pelo Santo André.

O desempenho no Paulista 2019 acabou comprometido com a ausência dos dois pilares. Aline se contundiu na disputa dos Jogos Pan-Americanos (2019) e Débora esteve à frente das seleções brasileiras adulta e militar. Novamente o clube se mostrou atento ao mercado, trazendo nomes como a armadora Carla Lucchini, a ala Sossô e a pivô Glenda. Ainda assim, o time estreou pouco inspirado contra o Sampaio na LBF 2020, sua única aparição na competição.

Para o próximo ciclo, a reformulação será ainda mais profunda, com a ida de Débora, Aline e ainda da pivô Barbara para o basquete europeu. Glenda e Letícia Lisboa não tiveram seus contratos renovados.

Da primeira formação seguirão apenas as irmãs Karen e Sílvia Gustavo.

Continuam ainda: Danielle Kawakami (ala/armadora), Julia Celestino (ala),  Carlinha Lucchini (armadora), Izabela Andrade (ala/pivô), Juliana Souza (pivô) e Gabriella Soso (ala).

Mas mais uma vez a equipe se mostrou atenta ao mercado e fechou com a ala-armadora Tainá Paixão, um dos maiores destaques da seleção brasileira na última temporada e a ala Mariane Carvalho, que estava da Universidade de Kansas.

Chega ainda a armadora Beatriz Biscuola Aneas, que esteve nas seleções de base e vinha atuando pela ADC Bradesco. É possível que outras jogadoras na transição para o adulto reforcem o clube.

A maior deficiência ficará no garrafão, uma fragilidade que Daniel Watffy promete atacar fazendo o elenco jogar com maior rapidez, um desafio em razão do pouco tempo de treinamento após seis meses de interrupção dos trabalhos pela pandemia e pela base experiente do clube.

O Sesi Araraquara estreia no Campeonato Paulista Feminino – 2020 no dia 16 de outubro (sexta-feira), às 19h (de Brasília), enfrentando o Ituano Basquete, no ginásio Municipal Presidente Castelo Branco (Gigantão), em Araraquara (SP).

por Bert – Painel LBF

(22 de setembro de 2020)