Europa

UM FIM DE SEMANA DE MUITO BASQUETE

Depois de um longo período sem competições, o último fim de semana foi repleto de eventos que envolviam atletas brasileiras.

Foto: Fábio Leoni/Vera Cruz Basquete

Aqui no Brasil, pela Copa São Paulo a equipe do Vera Cruz Campinas recebeu em casa o Santo André no sábado (03 de outubro de 2020) e mostrou no momento uma superioridade tática, técnica e física sobre o adversário que voltou há pouco aos treinamentos.

Deixou ainda a impressão de estar ainda mais solidificada a obediência ao modo de jogar do técnico Elcio Ortiz, em sua segunda temporada com o clube: muita velocidade, passes e bola de três.

Na vitória por 88 a 42, cinco atletas pontuaram em dois dígitos: Tássia (19), Jeanne (19), Licinara (18), Yasmin e Érika Leite (10 cada). A armadora Babi quase chegou a um duplo-duplo, com 12 assistências e 9 rebotes.

Por Santo André: Ariadna, Maria Carolina, Laís e Jaqueline marcaram 8 pontos cada.

No próximo fim de semana, em Catanduva acontecem as semifinais com os jogos Campinas x Guarulhos e Catanduva x Santo André, na sexta-feira a partir das 18 horas. Os vencedores se enfrentam na final no sábado (10 de outubro).

Ainda no sábado aconteceu a final da Copa da Bélgica, que havia sido adiada da temporada passada, entre o Castors Braine e o Phantoms  Basket.

E aí a estrela da pivô Érika de Souza brilhou mais uma vez.

A brasileira saiu do banco e em menos de catorze minutos teve uma atuação considerada fundamental para o título do Braine (71 x66): 9 pontos, 5 rebotes, 1 toco e 1 recuperação.

Pontuaram acima de Érika: a francesa Mamignan Touré (22 pontos), a americana Brittany Starling (10 pontos e 11 rebotes) e a local Maxuella Mbaka (10). Pelo Phantoms, a cestinha foi Sam Buggenhount, com 13 pontos.

Foto: @GKesb

Pela Liga Espanhola, o Gernika teve sua segunda derrota em três jogos. Contra o Girona (60-41), Nádia se complicou em faltas (3) e jogou apenas 16 minutos: 6 pontos, 2 rebotes.

O Estudiantes, de Melisa Gretter, chegou a sua segunda vitória. A argentina teve 6 pontos, 10 assistências e 3 recuperações na exibição contra o Campus Promete (82×66). Gretter é a terceira líder em assistências da competição.

As partidas de início da Segunda Divisão foram adiadas.

Foto: KSBL

A pivô Clarissa estreou na Liga Turca com uma vitória dramática do Izmit sobre o Kayseri (68×69, na prorrogação).

A brasileira jogou 33 minutos e teve 10 pontos e 17 rebotes. O Izmit já contou com a americana Erica Wheeler (8 pontos, 6 assistências).

Foto: FPB

Pela Liga Portuguesa, a rodada inicial teve como destaque o retorno da pivô Aline Moura às quadras. Apesar dos 12 pontos e 8 rebotes dela e dos 15 pontos de Jennifer Nonato, o Barreiro acabou derrotado pelo Vitória (63×54), que contou com 10 pontos e 10 rebotes de Bárbara, mas esteve desfalcado de Tati.

O Olivais bateu o Vagos (61-47), com 11 pontos e 5 rebotes de Júlia Torres.

O União Sportiva conseguiu virar a partida sobre o Madeira (87×82), com 6 pontos e 10 rebotes de Gabriela.

O Galitos perdeu do CPN (54×45), apesar dos 11 pontos e 6 assistências de Aruzha.

Também estreou com derrota o Quinta dos Lombos (76-63 para o Benfica), apesar de 19 pontos e 8 rebotes de Raphaella Monteiro.

por Bert – Painel LBF

(05 de outubro de 2020)